Referências:

  1. Brennan, R., Wells, JS e Van Hout, MC (2017). O uso injetável de drogas de imagem e melhoria do desempenho (iped) na população em geral: uma revisão sistemática. Saúde e assistência social na comunidade, 25(5), 1459-1531.
  2. Roussel Geste, J., e Maldonado-Vlaar, CSC (2016). Efeitos de esteróides anabólicos androgênicos sub-crônicos no condicionamento da cocaína e em comportamentos ansiosos em ratos machos adultos(Dissertação de doutorado).
  3. Piacentino, D., D Kotzalidis, G., del Casale, A., Rosaria Aromatario, M., Pomara, C., Girardi, P., & Sani, G. (2015). Uso de esteróides anabólicos androgênicos e psicopatologia em atletas. Uma revisão sistemática. Neurofarmacologia atual, 13(1), 101-121.
  4. Brennan, R. (2017). Um Estudo Etnofarmacológico do Uso Injetável de Drogas de Performance e de Melhoria de Imagem (PIED) Volumes I e II(Dissertação de doutorado).
  5. Jardí, F., Laurent, MR, Dubois, V., Kim, N., Khalil, R., Decallonne, B.,… & Claessens, F. (2018). Ação androgênica e estrogênica na atividade física masculina: uma história além do músculo. Jornal de EndocrinologiaJOE-18.